CAPÍTULO 1 – DA IDENTIFICAÇÃO E APRESENTAÇÃO DA REVISTA

 

Art. 1º. A Revista ALPHA, criada no ano de 2000, pelos departamentos de Línguas e Literaturas, Ciências Humanas e Educação da Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Patos de Minas, e registrada sob o número ISSN 1518-6792, passa a ser, a partir de 06 de julho de 2001, com a reformulação da estrutura das unidades acadêmicas e com o credenciamento do Centro Universitário de Patos de Minas (UNIPAM), uma publicação vinculada aos Colegiados de Letras, História e Pedagogia deste mesmo Centro Universitário.

 

Art. 2º. A Revista ALPHA é um periódico acadêmico e científico, editado semestralmente.

 

Art. 3º. Além dos números semestrais, a revista poderá extraordinariamente publicar edições temáticas, que serão editadas como números especiais.

 

Art. 4º. Os números editados da revista serão compostos por artigos científicos, resenhas, ensaios, entrevistas, traduções, bem como editoriais e apresentações necessariamente vinculados às seguintes áreas:

 

I – Letras, incluindo Lingüística, Lingüística Aplicada, Literaturas e áreas afins;

 

II – História;

 

III – Artes, incluindo História da Arte ou crítica de arte;

 

IV – Cultura, incluindo as diversas temáticas dos Estudos Culturais;

 

V – Educação, incluindo as diversas áreas da Pedagogia;

 

VI – Outras áreas afins que possam dialogar com as precedentes.

 

Parágrafo único: A responsabilidade científica dos trabalhos acadêmicos publicados é de responsabilidade de seus autores.

 

Art. 5º. Cada número da Revista ALPHA deverá conter um mínimo de 120 (cento e vinte páginas) e um máximo de 400 (quatrocentas) páginas, sem limite de número de trabalhos publicados.

 

Art. 6º. Serão aceitos trabalhos publicados em língua portuguesa e outras línguas modernas (inglês, espanhol, francês)


 

CAPÍTULO 2 – DOS OBJETIVOS DA REVISTA

 

Art. 7º. A Revista ALPHA, como periódico acadêmico, tem por princípio os seguintes objetivos:

 

I – publicar textos acadêmicos de docentes que queiram apresentar resultados parciais ou finais de seus trabalhos, fomentando assim a pesquisa no âmbito do UNIPAM;

 

II – incentivar o intercâmbio acadêmico dos cursos de Letras, História e Pedagogia do Centro Universitário de Patos de Minas, com outras instituições nacionais e estrangeiras.

 

III – incentivar o sistema de permutas da revista com outros periódicos nacionais e estrangeiros, com vistas a atualizar o acervo bibliográfico da Biblioteca Central do UNIPAM.


 

CAPÍTULO 3 – DA DIREÇÃO E ORGANIZAÇÃO DA REVISTA

 

Art. 8º. A Revista ALPHA será constituída por um editor geral, um bibliotecário, um conselho editorial interno, um conselho editorial externo e um corpo de revisores.

 

§1.º. A editoria geral da revista está restrita a professores que tenham pelo menos 5 (cinco) anos de docência junto ao UNIPAM, e que possuam título mínimo de mestre.

 

§ 2.º. O bibliotecário deve pertencer à Biblioteca Geral do UNIPAM;

 

§ 3.º. A participação no conselho editorial interno está restrita a professores que tenham pelo menos 3 (três) anos de docência junto ao UNIPAM.

 

§ 4.º. Os nomes dos membros do conselho editorial externo deverão ser aprovados pelo conselho interno, com aprovação de 50% mais 1, em votação.

 

§ 5.º O corpo de revisores deverá ser composto por professores do UNIPAM, podendo estes também fazer parte do conselho editorial interno.

 

§ 6.º. O editor geral da revista tem gestão de 4 (quatro) anos, renováveis.

 

§ 7.º. Os outros cargos de bibliotecário, membro de conselho editorial (interno e externo) e de revisor técnico têm caráter permanente, ressalvando-se o direito de renúncia à função, e o disposto no parágrafo único dos artigos 11 e 12.

 

Art. 9º. São atribuições do editor geral da Revista ALPHA:

 

I – convocar e presidir reuniões ordinárias e extraordinárias do conselho editorial interno;

 

II – coordenar os trabalhos de edição dos números da revista;

 

III – encaminhar os textos recebidos ao conselho editorial interno e externo, respeitando as especificidades e especialidades de cada membro, para que cada um fique responsável pela leitura e pelo parecer de trabalhos pertences à sua área de atuação acadêmico-científica;

 

IV – encaminhar os pareceres recebidos pelos conselhos editoriais interno e externo aos autores dos trabalhos encaminhados à revista. Nesse caso, o nome do parecerista será mantido em sigilo.

 

V – arquivar os pareceres emitidos pelos conselhos editoriais interno e externo;

 

VI – arquivar os trabalhos recebidos e aprovados para a edição seguinte;

 

VII – propor a criação de dossiês para cada número da revista, ouvidas as sugestões do conselho editorial interno;

 

VII – providenciar a editoração, a divulgação e a comercialização dos números da revista.

 

Art. 10. São atribuições do bibliotecário:

 

I – indexar a revista, com número de ISSN, junto ao órgão nacional responsável;

 

II – responsabilizar-se pela permuta da revista com outros periódicos nacionais e internacionais;

 

III – responsabilizar-se pela comercialização da revista nas dependências do campus do UNIPAM;

 

Art. 11. São atribuições do conselho editorial interno:

 

I – Emitir parecer técnico sobre os trabalhos acadêmicos encaminhados à revista, justificando as razões de seu parecer, num prazo máximo de 30 (trinta) dias. Nesse caso, o parecer deverá explicitar se é favorável, desfavorável ou favorável com restrições à publicação do texto, observados os interesses da revista expostos no artigo 4 deste regimento.

 

II – zelar pela integridade científica e ética e pela qualidade técnica dos trabalhos a serem publicados.

 

III – sugerir a criação de dossiês para os números regulares, ou temáticas para números especiais da revista;

 

Parágrafo único. O conselheiro interno que descumprir por 3 (três) vezes consecutivas o prazo de 30 (trinta) dias para entrega de seu parecer, sem justificativa, poderá ser desligado do Conselho Editorial.

 

Art. 12. São atribuições do conselho editorial externo:

 

I – Emitir parecer técnico sobre os trabalhos acadêmicos encaminhados à revista, justificando as razões de seu parecer, num prazo máximo de 30 (trinta) dias. Nesse caso, o parecer deverá explicitar se é favorável, desfavorável ou favorável com restrições à publicação do texto, observados os interesses da revista expostos no artigo 4 deste regimento.

 

II – zelar pela integridade científica e ética e pela qualidade técnica dos trabalhos a serem publicados.

 

Parágrafo único. O conselheiro interno que descumprir por 3 (três) vezes consecutivas o prazo de 30 (trinta) dias para entrega de seu parecer, sem justificativa, poderá ser desligado do Conselho Editorial.

 

Art. 13. São atribuições do corpo de revisores:

 

I – fazer revisão técnica e de linguagem de todos os números da revista, em prazo a ser estabelecido pelo editor geral.


 

CAPÍTULO 4 – DAS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS

 

Art. 14. Os artigos enviados à Revista ALPHA serão submetidos a um Conselho Editorial, que irá selecionar os textos a serem publicados, conforme os seguintes critérios:

 

I – Os trabalhos enviados devem ser originais e inéditos e não devem exceder 20 laudas, digitadas em espaço 1,5, no programa Word for Windows. O texto deverá ser encaminhado ao e-mail da revista: revistaalpha@unipam.edu.br

 

II – Os artigos devem ter um resumo em português, com 30 a 150 palavras. O resumo deve ser inserido depois do título do artigo e do nome do autor. Junto de seu nome, o autor deverá incluir, em nota de rodapé, com asterisco (*) sua titulação e/ou instituição onde desempenha sua função acadêmica, acompanhado de seu endereço eletrônico, se for o caso.

 

III – Os artigos enviados devem seguir os critérios estabelecidos pela ABNT. Para facilitação no preparo de originais, deve-se considerar os seguintes aspectos formais:

 

a) Citações bibliográficas curtas (até 3 linhas) deverão estar inseridas no texto. Citações longas (mais de 3 linhas) deverão constituir parágrafo independente, digitadas em espaço um, ou letras menores, recuadas da margem esquerda.

 

b) As citações deverão ser seguidas do sobrenome do autor e ano da publicação (e página, se for o caso), entre parênteses: Ex: (NOVAIS, 1998, p. 175).

 

c) As notas de rodapé estarão restritas a observações pessoais, no sentido de prestar esclarecimentos sobre informações que não estejam no corpo do texto, e deverão ser numeradas seqüencialmente.

 

d) As referências bibliográficas deverão aparecer no final do texto, em ordem alfabética de sobrenome do autor, da seguinte forma:

 

1) para livro: SOBRENOME DO AUTOR, Nome. Título (em itálico). Edição. Local: editora, data.

 

2) para artigos: SOBRENOME DO AUTOR, Nome. Título do artigo. Título do periódico (em itálico). Local, volume, número, página inicial e página final do artigo, mês e ano.

 

3) para artigos de congresso: SOBRENOME DO AUTOR, Nome. Título do artigo. In: NOME DO CONGRESSO, número do congresso, ano, local. Título da publicação (em itálico). Local, editora, data, página inicial e página final do artigo.

 

Art. 15. A Revista ALPHA reserva-se o direito de alterar os originais, no sentido de adequá-los às normas adotadas por esse padrão editorial.

 

Art. 16. A Revista ALPHA não inviabiliza a submissão de mais de um trabalho do mesmo autor por edição. Entretanto, sendo mais de um aprovado com parecer favorável, a equipe editorial, por questões éticas, reserva-se o direito de publicar apenas 1 (um), ficando o(s) outro(s) arquivado(s) para publicação em edições posteriores.

 

Art. 17. Ao encaminhar seu artigo para publicação, o autor estará automaticamente abrindo mão de seus direitos autorais, concordando com as diretrizes editoriais da Revista ALPHA. O autor que tiver seu artigo publicado irá receber 1 exemplar da revista.

 

Art. 18. Os autores que tiverem seus artigos recusados ou com parecer técnico "favorável com restrições" podem reelaborar seus textos, admitindo-se, no caso, uma outra avaliação, que pode ser encaminhada ao mesmo parecerista ou a outro.

 

Art. 19. Os trabalhos recusados não serão devolvidos.


 

CAPÍTULO 5 – DA EDIÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DA REVISTA

 

Art. 20. A composição gráfica e a impressão dos números da revista ficarão a cargo de uma gráfica a ser escolhida por processo de licitação, a cargo da mantenedora financeira do UNIPAM.

 

Art. 21. Será de responsabilidade da mantenedora do UNIPAM, ouvido o conselho editorial interno da revista, fixar o valor de comercialização de cada número da revista, bem como os reajustes necessários.

 

Parágrafo único: O valor de comercialização será fixado com base no valor do custo de cada exemplar, sempre considerando um preço acessível aos alunos do UNIPAM e de outras instituições.

 

Art. 22. Todas as decisões relativas à Revista ALPHA ficam sob responsabilidade do conselho editorial interno e do editor geral.


 

Patos de Minas, fevereiro de 2015

Profª. Me. Elizene Sebastiana de Oliveira Nunes

Editora geral da Revista ALPHA